BNB aponta crescimento de 8,3% para o Produto Interno Bruto do NE

28-12-2010 16:37

O Banco do Nordeste atualizou para 8,3% a projeção de crescimento para o Produto Interno Bruto (PIB) do Nordeste. A previsão é de que o acréscimo seja superior ao do Brasil, cuja evolução deve ser de 7,5% neste ano. As informações constam no Boletim Conjuntura Econômica, publicado mensalmente pelo Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), vinculado ao Banco do Nordeste, e disponível no endereço www.bnb.gov.br/publicacoes.

Essa estimativa foi ampliada em relação a setembro, quando o Banco estimou evolução de 7,2% para a região, em comparação a 2009. Para 2011 e 2012, o PIB nordestino deve ter incremento de 5,4% e 5%, respectivamente, e continuar com resultados acima dos esperados para o país. Em 2011, a previsão de expansão da economia brasileira é de 5,3% e, no ano seguinte, 4,5%.

O Maranhão é um dos estados cuja economia apresenta preponderância de indicadores com variações acima da média regional. A produção de grãos, o volume de vendas do comércio varejista e as exportações nordestinas são alguns destes indicadores. Respectivamente, cresceram 14,2%, 14% e 19,3% no Maranhão, contra 10,3%, 12,6% e 37,2% na região, se comparado o mesmo período do ano passado.

 (O ESTADO DO MARANHÃO; ED:17668; ECONOMIA)

Contacto

Clipping

Av. Prof. Carlos Cunha, S/N, Edifício Nagib Haickel - Calhau.

(98) 3235-8621